terça-feira, 25 de maio de 2010

Cortes de Cima Reserva 2003

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN No comments

Cortes de Cima Reserva 2003

Vindima 2003 - O calor foi um factor de atraso na maturação fenólica das uvas. A vindima começou devagar a 26 de Agosto. Hans seleccionou cuidadosamente em cada talhão apenas as áreas onde se verificava uma maior maturação das uvas para vindimar, deixando as restantes para amadurecerem um pouco mais.

Em contraste com o ano anterior em que Setembro foi incrivelmente chuvoso, a vindima de 2003 decorreu debaixo de um céu azul com apenas um dia em que se registou chuva. O último dia de vindima foi a 5 de Outubro. O Baumé atingiu em média 14.5º.


Castas - 42% Syrah, 39% Aragonez, 19% Touriga Nacional


Ácidos Totais - 5.8

pH Final - 3.72

Açúcares Redutores - 3.6

Álcool - 14.5%

Estágio em Barricas - 12 meses em barricas de carvalho Americano (25%) e carvalho Francês (75%)

Produção total - 18.366 garrafas (75 cl)


Vinificação - As uvas são fermentadas sem engaços, a temperaturas controladas, numa combinação do método “rack and return” e regulares remontagens, precedido de um alargado período de maceração das películas, o que realça as características frutadas das castas, e fornece estrutura taninosa e equilíbrio.

O vinho foi envelhecido durante doze meses em barricas de carvalho americano (75%) e de carvalho francês (25%), tempo durante o qual houve uma combinação das características próprias das castas e dos componentes do carvalho. Colheita, produção e engarrafamento na propriedade familiar. Engarrafamento sem colagem e com filtração em Junho de 2005.


Notas de Prova - Este vinho apresenta um aroma intenso a ameixas maduras e frutos silvestres com notas de tosta e baunilha do carvalho. O paladar é cheio, macio e redondo, com notas intensas a fruta doce, algum chocolate e mocca. Os taninos apresentam-se maduros e bem integrados com as especiarias provenientes do carvalho.


Este é um vinho muito bem equilibrado, onde a fruta, o carvalho e a textura rica estão muito bem suportados pelos taninos finos, sendo um exemplo típico da colheita de 2003, podendo por isso ser apreciado jovem, mas que irá melhorar em garrafa nos próximos 5 a 7 anos.



Para comprar - www.estadoliquido.pt / Cortes Cima Reserva 2003

0 comentários:

Enviar um comentário