quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Aprender a identificar os aromas do vinho - Parte IV

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , , , , , , , , , No comments

Sabia que existem centenas de aromas que pode encontrar num vinho? 

Mas afinal, que aromas podem ser encontrados e como os identificar. Uma ajuda rápida e sucinta de alguns desses aromas que pode encontrar nos nossos néctares de preferência. 


Fumado

Aroma que recorda o agradável cheiro da madeira queimada. É bastante característico de certas variedades brancas e também de alguns tintos de estágio.

Girassol

Aroma que parece em certos vinhos brancos.

Goivo

Odor floral que recorda a forte fragrância das flores de goivo.

Grafite

Odor mineral que aparece em certos tintos de grande classe.

Groselha

Odor e sabor frutado que recorda o do fruto da groselheira. Existe uma groselha preta, também chamada cássis, cujo aroma se encontra sobretudo nos vinhos tintos.

Herbáceo

Odores ou aromas vegetais, com um matiz que recorda a erva. Considera-se um defeito se for excessivo, causado por uma prensagem ambiciosa ou pela presença de taninos verdes e óleos essenciais no vinho.

Iodo

Aroma químico que recorda o do iodo que se encontra por vezes em vinhos brancos ou rosés zonas. Aparece também em vinhos tintos muito maduros.

Laranja

Odor frutado que recorda o perfume da laranja. Apresenta-se frequentemente nos vinhos licorosos de Moscatel.

Lenhoso

Odor vegetal, amadeirado, que pode detectar-se num vinho adstringente, sobrecarregado de taninos rústicos e submetido a longo estágio.

Limão

Odor frutado que pode detectar-se em certos brancos.

Lírio

Odor floral que recorda o perfume que as flores com o mesmo nome exalam.

Maçã

Odor frutado, dado pelos aldeídos e pelo ácido málico, que se apresenta nos vinhos brancos frescos que não foram submetidos a fermentação maloláctica.

Madeira

Odor apresentado por alguns vinhos e que recorda fundamentalmente a baunilha, o carvalho, o fumo, a madeira queimada, o cedro, o incenso ou as resinas.

Madressilva

Odor floral, vivo e delicado, ligeiramente melado. Encontra-se em alguns vinhos brancos e espumantes, evocando as fragrâncias da madressilva.

Magnólia

Odor floral de alguns vinhos brancos, que evoca o perfume que as flores da magnólia exalam.

Manga

Odor frutado, característico de alguns vinhos brancos, que recorda o perfume deste fruto.

Manteiga

Aroma agradável a manteiga fresca, dado pelo diacetilo, que pode detectar-se em certos vinhos de qualidade, sobretudo, se se fez a fermentação maloláctica. O odor a manteiga rançosa implica um defeito.

Marmelo

Odor frutado, que recorda o do marmelo, característico dos vinhos brancos ligeiramente evoluídos ou amadurecidos.

Matagal

Aroma a mato ou vegetação rasteira que caracteriza alguns vinhos brancos e tintos. Pode incluir-se na família dos odores balsâmicos, resinados.

Mato

Odor semifloral, aromático, que recorda as fragrâncias do campo (tomilho, lavanda silvestre, alecrim, etc.).

Mel

Delicado aroma floral, característico dos vinhos brancos muito maduros e elegantes, que recorda o perfume do mel. Pode oferecer matizes subtis, como flor de laranjeira, acácia, alecrim, etc. Pode também aparecer em vinhos generosos de sobremesa (moscatéis) ou licorosos.

Menta

Aroma excitante que se detecta em grandes vinhos brancos (menta verde) ou tintos (menta picante ou peppermint).

Mentolado

Odor que evoca o da essência de menta, especialmente da menta picante.

Mercaptana

Odor muito desagradável que recorda o dos ovos podres. Tem origem numa reacção do enxofre com o dióxido de carbono da fermentação, que produz sulfureto de hidrogénio.

Mimosa

Odor floral que recorda o das flores da mimosa.

Mineral

Conjunto de odores que evocam os de alguns minerais (pederneira) ou de algumas rochas (giz, pedra de amolar, silício, tufo, grafite).

Morango

Aroma frutado que recorda o do morango cultivado ou o silvestre, menos suave que o morango do campo.

Murcho

Odor que recorda o das flores murchas e dos vegetais secos que perderam a frescura dos seus perfumes.

Musgo

Aroma herbáceo e vegetal que recorda o do musgo que cresce nas árvores.

Narciso

Odor floral intenso que evoca o que é exalado pelas flores de narciso.

Nardo

Delicado aroma floral, dado pelo dodecanal, que recorda o perfume das flores de nardo.

Noz-moscada

Odor a especiaria que aparece em certos vinhos com raça, principalmente tintos.


Não se esqueça de ver a parte I - II e III deste artigo:

0 comentários:

Enviar um comentário