sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Vinho Colheita Tardia (Late Harvest) - Top 5

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

Os melhores vinhos colheitas tardia (Late Harvest) por menos de 12 euros.

Os vinhos colheita tardia (late harvest, em inglês e cosecha tardia, em espanhol) são vinhos geralmente doces, ditos de sobremesa produzidos a partir de uvas que são deixadas na videira várias semanas após a data ideal de colheita. Este processo resulta na desidratação e no consequente aumento da concentração de açúcar.



Existem diversos métodos para produzir vinhos de colheita tardia. Entre eles o mais tradicional tira partido da chamada "podridão nobre", o fungo Botrytis cinerea que se desenvolve em climas húmidos, resultando na desidratação das uvas.

Top 5

Vinha D´Ervideira - Antão Vaz

Pode ser servido como aperitivo e entrada, a acompanhar canapés; 

Com sobremesas com alguma acidez, como por exemplo torta de laranja; 


Igualmente com frutos secos. 


Até como ‘terminus’ da refeição. Assim, só.


Quinta da Romeira 2004

Cor: Dourada 

Aroma: Nariz complexo com sugestões de pêra e casca de laranja confitada e notas de baunilha e especiarias 

Paladar: Na boca o ataque é muito untuoso, com uma doçura elevada que se equilibra com uma boa acidez. 

Final muito longo com aroma de boca muito intenso. 

Recomentado para "foie gras", doces de chocolate, tartes de fruta e queijo da serra.


Casillero del Diablo Reserva 

Apresenta cor amarela definida, com nuances douradas, brilhante e a cativar-nos desde logo pelo aspecto visual. 

Aromas muito tropicais, algum pêssego maduro, notas meladas de média intensidade, um pouco pesado. 

Na boca voltamos a subir na experiência. 

Perfil frutado, com doce equilibrado, boa acidez, algo untuoso e acetinado.
Concha e Toro Sauvignon blanc 

Amarelo brilhante com reflexos bem dourados, chamando a atenção. 

Aromas vegetais e de maracujá no início, com notas florais e de mel aparecendo aos poucos.

Em boca é um vinho com muita cremosidade e muito, muito, muito doce. 

Mel muito presente.
Casa Santos Lima 2010

A Casa Santos Lima é uma empresa familiar há várias gerações. Foi fundada por Joaquim Santos Lima, que, no final do século XIX, era já um grande produtor e exportador de vinhos. Maria João Santos Lima e José Luís Santos Lima Oliveira da Silva, neta e bisneto do fundador, gerem a empresa desde 1990, tendo procedido à replantação de grande parte das vinhas e modernizado toda a estrutura produtiva.

Muito perfumado, com citrinos como bergamota, rosas, lichias, um pouco de mel. Rico e texturado, com acidez correcta, doçura contida, final longo, seco, focado nas notas florais suaves.






Ver todos os colheitas tardias: www.estadoliquido.pt/colheita tardia

0 comentários:

Enviar um comentário