segunda-feira, 10 de março de 2014

Vinho Rosé - Os escolhidos

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments


O Vinho rosé é produzido a partir de mosto e uvas tintas. A pigmentação é conseguida através do contacto entre as películas (casca) e o mosto, pelo que o Vinho rosé não é uma mistura de vinho tinto com vinho branco.
Vinho rosé ou rosado apresenta uma coloração rosada, intermediária entre os tintos e os brancos. Esta cor pode variar de um laranja pálido a um púrpura vivido, dependendo das uvas utilizadas e técnicas de fermentaçãoOs vinhos rosés não são muito populares no Brasil e na América Latina. Em alguns países da Europa, sobretudo os que são banhados pelo Mar Mediterrâneo, como EspanhaFrança e Itália, bem como em Portugal, os vinhos rosés são bastante apreciados e largamente consumidos, principalmente no verão.

E como o Sol está a aparecer, nada melhor que colocar já alguns na sua garrafeira. Eis algumas sugestões, entre as muitas disponíveis em estadoliquido.pt :

Apreciadores: 

Valle Pradinhos

De cor vermelha carregada, muito apelativa. 

Intenso e perfumado, tem um aroma a groselha, framboesa e morango, com ligeiras notas florais. 

Na boca é frutado, fino e elegante, com acidez equilibrada. 

Tem boa persistência e uma excelente relação qualidade/preço






A provar:
Vila Real 

Aroma a frutos vermelhos, intenso. 

Na boca é suave com notas de groselha e morango com acidez equilibrada. 

Gastronomia: 
Acompanha refeições estivais ligeiras, carnes frias, queijos frescos, excelente com cozinha indiana muito especiada. 

Servir a 8-10ºC.






Um dos mais vendidos no Mundo

Mateus

Servido fresco, MATEUS ROSÉ é ideal para um aperitivo, para acompanhar um momento refrescante do dia, quando o pôr-do-sol antecipa momentos relaxantes, de prazer e convívio, e sempre que procure uma boa alternativa a um espumante, champagne ou mesmo uma cerveja. 

MATEUS ROSÉ também acompanha muito bem refeições ligeiras, vários peixes e mariscos, carnes brancas, grelhados e saladas. 

As suas características únicas tornam-no também ideal para servir com massas e vários pratos da cozinha italiana, e acompanha magnificamente várias cozinhas asiáticas – Chinesa, Japonesa, Vietnamita e Tailandesa. 

Recomenda-se que seja servido em flute ou em copo tipo tulipa. 

Temperatura ideal situa-se enter os 5º-8º C.

0 comentários:

Enviar um comentário