sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Mateus Maria Malhadinha Tinto 2013

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN No comments


Nasceram no mesmo ano, este vinho "muito improvável", proveniente de vinhas no primeiro ano de produção das castas Tinta Miúda, Alicante Bouschet e Baga.

É mais um menino, o Mateus Maria, "muito provável" para desenhar rótulos na Malhadinha. A irreverência deste vinho, promete surpreender a todos.

 Praticamente opaco, exibe um perfil aromático diferente dos demais tintos da casa com notas de fruta preta e azul, tostados da barrica bem integrados envolvido por um fundo mineral fumado.

Na boca é um vinho cheio com taninos firmes mas maduros com um longo final de boca.  Um vinho com um grande potencial de envelhecimento.

 Saber mais: estadoliquido.pt / Vinho Mateus Maria Malhadinha Tinto

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Quinta dos Carvalhais Alfrocheiro 2012

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN No comments


Como vem sendo habitual, nesta altura, a procura por bons vinhos para acompanhar os almoços e jantares de família, é mais intensa, aliás, a vida de todos nos, acaba sempre por ser mais intensa nesta altura e o tempo é sempre muito curto, para conseguirmos fazer tudo o que queremos fazer. Decidimos, então, o ajudar a escolher o vinho certo para a ocasião certa.

Uma das recomendações é este notável vinho que nos chega da região do Dão, que ano após ano nos delicia com vinhos elegantes, intensos e delicados. Uma região com um potencial enorme.


Este Quinta dos Carvalhais Alfrocheiro 2012 é um vinho fino e elegante. Caracteriza-se por uma cor vermelha rubi, aromas delicados e finos de frutos frescos (morango e framboesa) e notas florais. Encontram-se ainda apontamentos balsâmicos a pinheiro, sous-bois e cogumelo que contribuem para a grande complexidade deste vinho. Na boca mostra uma notável elegância e suavidade, acidez muito equilibrada, estando de novo em foco a notável complexidade aromática desta excecional casta do Dão. O seu final é longo e elegante. 

É uma excelente opção para acompanhar os seus almoços e jantares onde sejam servidos pratos de carne, caça e diversos tipos de queijos amanteigados.

Vinhos da Quinta dos Carvalhais: estadoliquido.pt/ Quinta dos Carvalhais Vinhos

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Prova de Vinhos Quinta do Crasto

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

A Garrafeira Estado Líquido promove um final de tarde diferente nos dias 4 e 5 de Dezembro com provas gratuitas de 2 dos magníficos vinhos da Quinta do Crasto. Vão estar em prova o aromático e fresco Quinta do Crasto Branco e o harmonioso e elegante Quinta do Crasto Tinto. Uma prova informal onde contamos com a sua participação.

As primeiras garrafas serão abertas às 15h00 e contamos com a sua participação até às 19h30 na tarde de sexta-feira dia 4 e sábado dia 5 de Dezembro de 2015.


Quinta do Crasto

Localizada no coração do vale do Rio Douro, na sua margem direita, entre a Régua e o Pinhão, a Quinta do Crasto é propriedade da família de Leonor e Jorge Roquette há mais de um século. 

Com uma área de 130 hectares, dos quais 70 são ocupados por vinhas predominantemente orientadas a sul, estende-se desde o leito do rio até cerca dos 600 metros de altitude. 

Na Quinta do Crasto são produzidas anualmente diversas categorias de Vinhos de Mesa e de Vinhos do Porto. Com a dedicação e o esforço dos enólogos e de todos os que fazem parte da nossa equipa, tentamos ano após ano produzir vinhos com as características típicas do Douro, num processo de grande respeito pela tradição e simultaneamente, de permanente aprendizagem, aperfeiçoamento e inovação.

Saiba mais sobre os vinhos Quinta do Crasto: estadoliquido.pt/ Vinhos Quinta do Crasto

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Top 5 - Vinhos Tintos de 2011

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

2011 - O Ano
O Inverno foi chuvoso, principalmente em Dezembro e a Primavera quente e seca. O Verão foi fresco e seco com duas exceções em finais de Agosto, início de Setembro. Setembro iniciou-se com temperatura amena, mas registou valores da temperatura máxima do ar acima da média.

Como ano excecional que foi, a elevada procura por vinhos de 2011 foi e continua a ser normal. Neste momento, além de outros grandes vinhos, podemos destacar 5 que ainda consegue encontrar na sua garrafeira preferida, Estado Líquido.



 Procurou-se reunir os taninos firmes da Tinta Roriz, as notas de esteva e os taninos suaves da Touriga Franca, e os aromas de frutos pretos e silvestres, com notas florais e frescas muito marcadas da Touriga nacional. 

Vermelho opaco de grande intensidade aromática, muito fresco e complexo. Aromas vibrantes de frutos silvestres, notas florais e "liquorice". 

Na boca é encorpado, fresco, frutado com final muito longo. 

Este vinho acompanha carnes, Queijos e cozinha mediterrânica em geral.



Lote de uma selecção de uvas em pequenas parcelas de vinha, das castas Touriga Nacional de vinhas junto ao rio Douro e de vinhas em altitude, com uvas de vinhas velhas misturadas na vinha "field blend", de castas tradicionais do Douro, como Tinta Roriz, Touriga Franca, Tinta Francisca e outras. 

Complexidade, aroma muito concentrado, com frutos pretos de bosque, notas de alcaçuz, especiarias, violetas, bergamota, esteva... em equilíbrio com notas de barrica francesa muito elegantes. 

Longo e envolvente sente-se a fruta no fim de boca, taninos firmes muito maduros e suaves, fresco e muito elegante, deixando antever um excelente envelhecimento em garrafa. 


100% do lote estagiou em barricas de carvalho francês durante 18 meses. 

Boa concentração na cor, escuro e austero, madeira presente mas de muito boa qualidade, estilo focado e sério. 

Belos tostados, polido e profundo na boca, muito bem desenhado. Preciso e de grande estilo. 

Pronto a beber desde já, evoluirá bem na garrafa ao longo de pelo menos, 8 ou 10 anos após a data de colheita. 



Após a revolução de 1974 a herdade foi expropriada e só foi devolvida à família em 1985. Hoje a Herdade do Mouchão continua a ser gerida e trabalhada pelos descendentes da família original.

Fruta preta muito madura, passas, pimenta, eucalipto, húmus. 

Gordo e espesso, encorpado, com acidez alta, muito texturado, termina fresco e intenso. 

Um vinho da escola Mouchão, bem concentrado.




Foi feito em lagares de granito com as castas Touriga Franca, Tinta Roriz, Touriga Nacional, Tinto Cão, Tinta Amarela e Sousão. 

Depois da fermentação passou 12 meses em barricas novas de carvalho francês. 

Mostra aroma de frutos vermelhos maduros, amparados, discretamente, pela suave baunilha da madeira de carvalho. 

Consistente na boca, denso, com fruto de qualidade, notas de fruta vermelha e final longo e persistente. 




Vinhos do ano 2011 na Garrafeira Estado Líquido: estadoliquido.pt/ Vinhos Ano 2011


segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Os melhores conjuntos de vinho para o Natal de 2015

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , , No comments

A época natalícia está a chegar e uns mais que outros, já estamos a preparar toda esta quadra, desde o que vamos oferecer, a quem vamos oferecer, em que casa vai ser a ceia de Natal, se os maravilhosos e variados doces vão ser comprados ou feitos em casa e claro…Qual o vinho que vai acompanhar este dia de família… 

Além de ser indiscutível a importância de um bom vinho na ceia de Natal, a Garrafeira Estado Líquido facilitou este ano a sua tarefa na escolha dos presentes ideais. 

Escolha um conjunto que preparamos especialmente para si, diga-nos qual a mensagem que pretende que acompanhe o conjunto escolhido e nos vamos entregar as suas prendas por si. 

Agora, o seu familiar ou amigo que vive longe, já pode receber a sua lembrança de Natal. A Garrafeira Estado Liquido, trata de tudo por si… 

Alguns conjuntos disponíveis (Veja todos aqui)

Conjunto Paulo Laureano - Maria Teresa Laureano 2014 - 3 Garrafas


Este verdelho cujas plantas foram selecionadas em velhas vinhas com reconhecida identidade e alma nacionais, é um vinho com um reduzido número de garrafas, algo muito especial, um novo filho, "…aquilo que acreditamos e por isso leva o nome da minha filha, Maria Teresa Laureano…" by Paulo Laureano. 

Uma casta que renasce no Alentejo, a sua enorme adaptação ao clima quente, mantendo uma boa estrutura e acidez relançou o interesse na sua utilização. 

Com aromas tropicais frescos, estrutura marcante e uma excelente acidez está talhada para os grandes vinhos. 

Este vinho é um exemplo perfeito, um vinho com identidade e alma. 


Conjunto Herdade do Esporão Syrah 2010 - 3 Garrafas

A colheita de 2010 caracterizou-se pela primavera chuvosa seguida de um verão longo e temperado. As temperaturas amenas permitiram a maturação ideal e consistente das uvas. 

Cor: Profunda e densa. 

Aroma: Nariz compacto, com sugestões de aromas de cacau, eucalipto e ligeiras notas de café torrado. 

Palato: Revela fruta negra com taninos sólidos e acidez que equilibra o conjunto e lhe confere personalidade. O final é longo e persistente. 

Vinho cheio e persistente, ideal para acompanhar desde um Chilli até um Estufado de aves, passando pelas carnes vermelhas com molhos de especiarias.



Conjunto Pequeno João Malhadinha 2013 - 4 Garrafas

O pequeno João apresenta uma cor grená, opaca com laivos violáceos. Nariz elegante e um pouco austero, onde tanto a fruta como a barrica dialogam num registo aristocrático, num pacto de não agressão. 

Na boa é um vinho longo que se mastiga sem perder a elegância. Aqui a fruta aparece em primeiro lugar com a madeira a ampará-la sem a ofuscar. 


A concentração é equilibrada pela excelente acidez. A estrutura tânica do Pequeno João faz dele um vinho com grande potencial de envelhecimento.



Conjunto de Luxo Taylor's - 10 Anos + 20 Anos + 30 Anos + 40 Anos

Taylor's 10 Anos é delicioso servido ligeiramente fresco no final da refeição. 

Taylor's 20 anos é tradicionalmente consumido como acompanhamento da sobremesa ou no final da refeição. 

Taylor's 30 Anos revela um longo final com aroma de baunilha. 

Taylor's 40 anos - Um exemplo perfeito de um Vinho do Porto velho. Uma raridade, uma vez que poucas casas produzem um Tawny 40 Anos.



Estes e muitos outros conjuntos: estadoliquido.pt / Os Melhores Conjuntos de Vinho Natal 2015




sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Um dos melhores 10 vinhos do mundo é português

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , , No comments


Um dos melhores 10 vinhos do mundo é português.

O Produtor
A Quinta de Foz de Arouce situa-se no Conselho da Lousã, na região das Beiras. Está rodeada pelos contrafortes das Serras da Lousã e Penela e é banhada pelos rios Arouce e o Ceira onde o primeiro desagua.

Os antigos documentos existentes na casa referem as propriedades como pertença da família desde o Sec. XVIII, sabendo-se que algumas dependências são mais antigas, pois a primitiva casa foi por duas vezes consumida pelo fogo. A capela contígua à casa foi fundada por Breve Pontifício do Papa Benedito XIII em 24-08-1724.

A cultura da vinha conhece-se neste local desde as ocupações Visigodas da Península, como atestam várias lendas que dizem ter o Rei Arunce guardado vinho, entre outros preciosos bens, no seu castelo da Lousã.


O Vinho
Um magnifico blend das castas Baga e Touriga Nacional. O cuidado e a dedicação em todo o processo é notório neste excelente vinho que supera até as melhores expetativas. A vindima foi manual em caixas de 15 kg.

Apresenta boa concentração aromática com notas de frutos vermelhos e resina. Taninos macios, equilibrado com um final persistente.

Disponível online na Garrafeira Estado Liquido - na colheita de 2012 - estadoliquido.pt/ Vinhos Foz do Arouce

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Wine Enthusiast 2015 distingue Vinhos da Herdade do Esporão

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments


É com naturalidade que a Wine Enthusiast reconheceu a qualidade superior dos vinhos da Herdade do Esporão. São vinhos fantásticos e únicos, que os apreciadores não dispensam seja na mesa e/ou na garrafeira de casa.

A Herdade do Esporão produz vinhos encorpados mas elegantes, cheios mas sedutores e com uma boa capacidade de guarda. graças ao misto de solos muito pobres e pedregosos e ao clima duro que no Verão oferece dias quentes e noites frescas… a que se segue um inverno frio e rigoroso.

As distinções da Wine Enthusiast 2015


Herdade do Esporão Reserva 2012 - 92 Pontos 

Cor: Límpido, cor densa e granada. 

Aroma: Sugestões de frutos do bosque, envolvidos em especiarias, com ligeiros apontamentos de tosta, que lhe acrescentam complexidade. 

Palato: Corpo tenso e com boa densidade de fruta. Mostra frescura e taninos musculados que prometem bom potencial de garrafa. 

Saiba mais ou encomende online em: estadoliquido.pt / Esporão Reserva Tinto


Herdade do Esporão Private Selection 2011 - 94 Pontos 

Intempéries e oscilações da temperatura e humidade fora de época resultaram em baixa produção. O Verão ameno, com as noites bastante frescas proporcionou uvas de boa qualidade (em vinhas com 15 anos) para se desenhar este Esporão Private Selection 2011. 

Encorpado, elegante, boa densidade e cremoso. Com taninos firmes que indicam uma boa longevidade em garrafa. Acredita-se que este vinho irá evoluir favoravelmente nos próximos 10 a 15 anos.

Saiba mais ou encomende online em: estadoliquido.pt / Esporão Private Selection Tinto


Quinta dos Murças Reserva 2010 - 94 Pontos

Murças Reserva, nasce nas vinhas velhas da Quinta dos Murças, situadas entre os 100 e os 380m, respeitando a natureza e seguindo uma agricultura sustentável. Este vinho mostra o potencial das vinhas velhas do Douro para produzir vinhos de grande elegância e poder de envelhecimento. 

Firme e concentrado com notas de fruta bem expressivas e tosta subtil. Corpo elegante, poderoso mas polido, com final longo e fresco.

Saiba mais ou encomende online em: estadoliquido.pt / Quinta dos Murças Reserva Tinto


terça-feira, 24 de novembro de 2015

Vinhos Andreza Reserva e Grande Reserva Tinto

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

O Produtor
Tendo começado a fazer vinhos com as uvas de viticultores há muito conhecidos, a partir de 2012, a Lua Cheia em Vinhas Velhas tem vindo a adquirir as suas próprias vinhas, tanto no Douro como na sub-região de Monção/Melgaço.

O curto caminho da Lua Cheia fez-se e far-se-á de estudo e de procura pela própria identidade, permitindo, através de excecionais relações qualidade/preço, democratizar o consumo de vinhos inovadores e de elevada qualidade.

Andreza Reserva Tinto 2013
Cor: Vermelho granada.
Aroma: Muito intenso e complexo, fruta madura e notas de baunilha proveniente do estágio em barrica.
Boca: Muito elegante e estruturado.
Boca (final): Persistente onde regressam as notas de fruta madura.
Pratos: Cozinha mediterrânica, pastas, queijos de pasta mole.

Andreza Grande Reserva Tinto 2013
Cor muito intensa e profunda, rubi-violeta. Aroma intenso, notas florais de bergamota e de frutos do bosque bem integradas com notas balsâmicas da madeira. Na boca é complexo, volumoso mas equilibrado confirmando o aroma frutado e floral. Boa acidez e boa estrutura. Final longo e persistente.

Para saber mais ou encomendar online: estadoliquido.pt/ Vinhos Andreza

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Ana Rola Wines - Já disponível no Estado Liquido

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , , 6 comments


A Filosofia deste projeto, tem origem no próprio nome de marca, “ROLA”. O objetivo de Ana Rola é criar Vinhos “que realmente tenham uma origem”, nascidos em vinhas específicas, com pouca ou nenhuma intervenção. Verdadeiros e honestos vinhos do Douro… mas sempre com a elegância, como pano de fundo.

Vinhos para um consumidor moderno e esclarecido, que aprecia a qualidade do produto e a sua Imagem, disponível para a compra de um Vinho de qualidade.


Rola de Tinto
Numa bonita e original garrafa surge-nos um vinho tinto de «Terroir», autêntico vinho de autor, com personalidade própria, onde os elementos naturais se unem ao «savoir-faire», pelas mãos de grandes senhores e senhoras do mundo dos vinhos.

Disponível online em: estadoliquido.pt/ Rola de Tinto

Rola de Branco
Numa bonita e original garrafa surge-nos um vinho branco de bom porte, com fruta branca evidente, assente também em notas cítricas, tudo muito composto e atrativo. Boa prova de boca, a acidez é correta, o vinho tem caráter e mostra que pode ser agora um bom parceiro para pratos de peixes nobres.

Disponível online em: estadoliquido.pt/ Rola de Branco

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Taylors Melhor Vinho Português no Ranking da Wine Spectator!

BY Estado Liquido - Wines & Spirits No comments


Taylor’s LBV 2009 é o vinho português com melhor classificação no TOP 100 da Wine Spectator para 2015, ocupando o 16º lugar. – A revista norte-americana Wine Spectator, considerada a bíblia dos vinhos, acaba de anunciar os 100 melhores vinhos do ano naquele que é o mais disputado ranking do mundo. Taylor’s LVB 2009, um clássico do produtor, ocupa o 16º lugar, o primeiro entre os vinhos portugueses.

Para esta seleção, os provadores oficiais da revista tiveram em conta critérios como qualidade, preço, disponibilidade no mercado e expectativa dos consumidores. Taylor’s LVB 2009 foi o único vinho do Porto a combinar esses requisitos, o que lhe valeu elogios e uns expressivos 93 pontos. Segundo Kim Marcus, provador da Wine Spectator, este vinho apresenta um “estilo fresco e envolvente”, estando pronto a consumir.

O LBV (Late Bottled Vintage), criado em 1970 pelo atual presidente da Taylor’s, Alistair Robertson, foi desenvolvido como uma alternativa ao Porto Vintage – mais acessível e para consumo imediato, mas herdeiro dos grandes vinhos Vintage da Taylor´s. Atualmente é uma das referências do produtor, líder mundial nesta categoria, detendo quota de mercado de 36%, um valor que se traduz na venda de 1,2 milhões de garrafas de LBV, em mais de 70 países.

Este é, ademais, um grande ano para a Taylor’s que soma mais uma importante distinção na sua gama de Vinhos de categoria superior. Além da presença do LBV 2009 no TOP 100 da Wine Spectator, também o Taylor’s Single Harvest 1863 está no centro das atenções após ter recebido uns expressivos 99 pontos de James Suckling, no âmbito da seleção dos “Grandes Vinhos do Mundo”, um evento realizado recentemente em Hong Kong. Um vinho que deixou o provador rendido, considerando esta uma “experiência extraordinária”.

Veja produto

Crasto Superior 2012 - Revista Wine Spectator

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN No comments


Já saiu o Ranking Anual da Revista Americana Wine SPectator.
Nesta lista, o vinho do Crasto Superior Tinto 2012 recebeu uma classificação de 93 pontos numa escala 100.

Foi considerado um vinho bem trabalhado e suave, com sabores refinados a ameixa vermelha e cerejas, combinados com cardamomo e notas de outras especiarias. Termina com final cremoso.

Os vinhos a concurso fazem parte de uma lista de 100 vinhos que o grupo de provadores da revista considerou terem sido os melhores do ano segundo vários parâmetros. A classificação é apenas um dos parâmetros e para entrar nesta lista um vinho tem que ter alcançado, pelo menos 90 pontos, o limite onde começa a classificação de “Outstanding”. 

Pode encomendar aqui: 

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Vinhos Biológicos

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments



Existe uma oferta crescente de vinhos produzidos biologicamente no mercado nacional, bem como objetivos declarados de os produzir regularmente a curto prazo. Esta prática já não pertence unicamente aos viticultores “poetas” ou ambientalistas. As grandes empresas de vinho em Portugal também estão a apostar nas práticas vitícolas sustentáveis, para responder ao mercado mundial, que revela gradualmente um maior desejo por este tipo de produtos.

Modo de Produção Biológica 
Não são permitidos fertilizantes, pesticidas, herbicidas, fungicidas ou fumigantes de origem química e sintética (químicos de síntese).

Não são permitidos antibióticos, reguladores de crescimento ou OGMs.

A utilização de cobre tem limites máximos.

Biodinâmica (do ponto de vista filosófico esta agricultura “desconhece” a existência dos produtos que a Bio proíbe).

Criar biodiversidade na quinta. Não monocultura.

Caso se justifique, ter um programa rotativo de sementeiras entre as linhas de videiras.

Além do cobre (com limites aceitáveis muito inferiores aos da Bio) e enxofre no tratamento de doenças, utilizar fundamentalmente as nove preparações biodinâmicas numeradas entre 500 e 508 (entre muitas outras possíveis) de acordo com os calendários lunares e cósmicos.

Incorporar vida animal na quinta para controlo de pragas e sementes e utilização do estrume na compostagem.

Comprar vinhos biológicos online, clique em: estadoliquido.pt/ Vinhos Biológicos com entrega ao domicilio

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Paço dos Cunhas Santar Vinha do Contador Tinto 2009

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments



O Vinho
O Paço dos Cunhas Vinha do Contador tinto é elaborado com uvas selecionadas da parcela com o mesmo nome, das castas Alfrocheiro, Tinta Roriz e Touriga Nacional.

As castas são fermentadas separadamente em cubas de pequeno volume e o vinho resultante é depois lotado antes do estágio em barricas novas de carvalho francês.

A Prova
Aromas florais e de amoras marcam o primeiro contato com este excelente vinho, de cor granada profunda e bordas rosadas. A prova de boca é marcada por notas abaunilhadas e de canela, evidência de exposição a madeira.

Encomende online aqui: estadoliquido.pt/Vinha do Contador

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Herdade Dos Grous Moon Harvested 2013

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments


O Vinho
O extremo Sul do Alentejo, de clima mais quente e água menos presente, também é capaz de produzir vinhos frescos e graves, vinhos obviamente gulosos mas perfeitamente equilibrados e sem nenhum dos tiques e problemas que associamos aos climas mais quentes. Na Herdade dos Grous respira-se profissionalismo e os vinhos são a prova irrefutável do empenho e dedicação de toda uma equipa liderada por Luís Duarte, um dos enólogos mais respeitados no Alentejo. 

Os vinhos dos Grous são lúcidos, inteligentes e incompreensíveis no estilo, perfeitamente adaptados aos gostos e necessidades do mercado. 

Será difícil não gostar dos vinhos da Herdade dos Grous, vinhos generosos, suaves, intensos e frutados, sempre num registo enérgico sem nunca chegar a ser excessivos. 

A Prova

Herdade dos Grous Moon Harvested tem uma cor densa e muito carregada, o nariz mostra complexidade, sobressaindo os frutos silvestres bem maduros, alguma compota e um leve mas elegante toque abaunilhado, na boca é um vinho encorpado e volumoso, com taninos elegantes, o paladar é frutado, delicadamente alicorado mostra ainda especiarias e uma ligeira sensação a café, tem um final longo e agradavelmente persistente. 


quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Preto Branco Reserva Tinto 2011

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments


O Vinho
Em São Lourenço do Bairro a tradição na produção de vinhos remonta a 1930 e a nossa adega surge de uma perspectiva diferente e inovadora de fazer e comunicar os vinhos da Região da Bairrada. 

As Castas
Neste vinho distinto juntam-se as castas tintas Touriga Nacional e Baga com a branca Bical, à semelhança do que se passa nos lagares caseiros. 

Estágio
Estagiou 8 meses em barricas de carvalho francês. 


A Prova
Um vinho surpreendente. Preto Branco porque é feito com uvas tintas (Baga e Touriga Nacional) e brancas (Bical), aqui numa associação tão inesperada quanto feliz. Aroma com notas vegetais bastante interessantes, a par de nuances florais e frutadas de boa qualidade. Perfil austero na boca, com taninos sólidos, bem estruturado.

Um vinho muito personalizado, vigoroso, com acidez refrescante que lhe prolonga o final.

Prémios
91 pts - Best Buy - Wine Enthusiast 

Disponivel aqui: estadoliquido.pt/Quinta do Encontro Preto Branco Reserva

Filipa Pato Nossa Calcario Tinto 2010

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments



O Vinho
Desde a origem, da vinha à garrafa, a filosofia é criar um vinho que respeita a expressão da baga sem maquilhagem, sem artifícios. Mantendo técnicas ancestrais de vinificação com mínimo de intervenção. O Nossa tinto tem origem em vinhas velhas de várias zonas mencionadas no mapa. 

Viticultura
O trabalho de viticultura é braçal respeitando técnicas tradicionais da região, mantendo a vegetação natural sem recurso a herbicidas.Com uma pequena percentagem de uva inteira(cerca de 10%), a vinificação da baga é feita em lagar de carvalho inspirado no tempo dos romanos. 

Estágio
Repousa por 18 meses em pipas de 500 litros de carvalho Francês grão fino, 80% usado e 20% novo. 

Garrafas
Foram engarrafas 2500 garrafas e 110 magnuns. Todas elas são lacradas manualmente com cera natural de forma a garantir um bom envelhecimento em cave. 


A Prova
Leve e perfumado, mirtilos, cereja, fumados e terra húmida, bosque, fresco e complexo. Muito elegante na boca, com taninos muito finos, acidez perfeita, tudo muito proporcionado, exuberante, longo.

A Critica
 - (Um dos melhores do ano) eleito pelo jornalista e crítico de vinho João Paulo Martins - Guia de Vinhos 2013.
 - Robert Parker atribui 92 pontos.

Disponível online: estadoliquido.pt/Filipa Pato Nossa Tinto 2010

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Mil Reis Syrah Grande Reserva 2013

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments



Oito anos após o lançamento do premiado Cem Reis e seguindo uma tradição de qualidade, surge esta edição limitada de Mil Reis Syrah. 

Vinificação
Vindima manual muito seletiva, em caixa de 20kg. Transporte para adega em camião de frio. Vinificação atípica para o Alentejo. Fermentações alcoólicas e malolática naturais e espontâneas; "cuivason" de mais de 20 dias; Engarrafado sem colagens ou filtração. 

Envelhecimento
Estagiou 18 meses em barricas novas: 70% Carvalho Francês grão fino tosta média e 30% Carvalho Americano grão médio tosta média e 8 meses em garrafa. 

Garrafas
3.652 garrafas de 0.75L lançadas em Outubro de 2015. 

A Prova
Cor violeta escuro concentrado. Nariz exuberante, notas quentes de frutos pretos com notas mentoladas, terminando com notas a amêndoas tostada da barrica. Na boca o ataque é cheio, redondo quente e carregado de aromas. Estrutura firme com boa persistência. 

Já disponível aqui: estadoliquido.pt/ Mil Reis Syrah 2013

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Antão Vaz da Peceguina 2014

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

O Produtor 
A Herdade da Malhadinha Nova nasceu de um sonho... o sonho de produzir um grande vinho, de produzir o melhor vinho do mundo. 

Para tal contribuem as condições únicas do espaço, a experiência de mais de 10 anos na produção de vinhos e a paixão de toda a equipa envolvente. Daqui nasceu uma gama de tintos, brancos e rosés. Cada vinho conta a sua história. 

A diferença e a exclusividade são também marcadas pelos rótulos, frutos da criatividade da geração mais jovem da família Soares. As crianças dão nome aos vinhos e desenharam carinhosamente os seus rótulos. 

Os vinhos da Herdade da Malhadinha Nova, elegantes, intensamente frutados e de grande complexidade na boca, são o reflexo de um enorme respeito pela natureza e de toda a Paixão e dedicação com que são criados. A primeira cepa foi plantada pela Francisca, o primeiro elemento da nova geração da família. Os vinhos da Malhadinha são hoje uma referência, distinguidos por diversos prémios internacionais e exportados para mais de 25 países.

O Vinho
O Antão Vaz da Peceguina de 2014 tem um nariz expressivo da casta, com sugestões de fruta tropical e algum citrino. Na boca tem uma boa estrutura equilibrada com uma boa acidez resultando num vinho fresco e elegante.



segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Monte da Ravasqueira Reserva 2012

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

Tinto | Alentejo

O Produtor
Ligado há várias gerações à família José de Mello, o Monte da Ravasqueira está localizado no concelho de Arraiolos, e incorpora em si 29 talhões de vinhas com castas variadas nacionais e internacionais. O enólogo Pedro Pereira Gonçalves é o responsável pelo desenho de todos os vinhos produzidos numa adega pensada ao estilo de Napa Valley nos E.U.A.

O Vinho
Produzido com as castas Touriga Nacional e Syrah. Parte do lote estagiou em barrica, e o aroma mostra-se bem, com alguns florais muito bem conseguidos e maravilhosamente proporcionados. A fruta é madura e sente-se um tinto cheio dando uma excelente prova.

Nota
Pronto a beber desde já, evoluirá bem na garrafa durante 5 a 7 anos após a data de colheita.

Colares Chitas Reserva 2006

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

Tinto | Colares

O produtor
António Bernardino Paulo da Silva é um dos mais antigos produtores da região e um resistente à pressão urbanística que invade os terrenos de cultivo. Lutando para manter a tipicidade do seu vinho, este produtor é o baluarte de um dos mais preciosos néctares do mundo.

O Vinho
Produzido com a casta Ramisco. Muito vegetal no estilo mas composto no perfil, ainda que um pouco antiquado, com volátil acertada e algumas notas de madeira encerada. Correcto na boca, taninos presentes, longevo mas gastronómico.

Nota
Ideal com carnes vermelhas grelhadas ou assadas. Deve servir-se a 18ºC.

Disponível em: estadoliquido.pt / Colares Chitas Reserva 2006

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Quinta Monte d`Oiro Syrah 24 - 2011

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments


Tinto | Lisboa

O Produtor
Uma combinação única de solos e clima que encontramos nesta quinta, onde estão plantadas as castas Syrah, Touriga Nacional, Tinta Roriz, Petit Verdot e Viognier, com as quais o produtor tem elaborado alguns dos vinhos mais aplaudidos em Portugal e no mundo.

O Vinho
Quinta Monte d`Oiro Syrah 24 apresenta fruto maduro de grande qualidade, cassis, ameixa preta, notas minerais e apimentadas, com enorme elegância. Impressionante na limpeza e expressão da fruta, de sabor austero, apimentado, com taninos de cetim e final muito longo, pleno de personalidade e distinção.

Nota
Evoluirá bem na garrafa até, pelo menos, 6 anos após a data de colheita.


quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Flor das Tecedeiras 2013

BY Estado Liquido - Wines & Spirits No comments

Tinto | Douro doc | Sub-região Cima Corgo

O Produtor
A Quinta das Tecedeiras situa-se na zona nobre do Douro vinhateiro, a oito quilómetros a montante da vila do Pinhão. Nesta propriedade com vista privilegiada sobre o rio Douro moram memórias de uma história riquíssima, da vinha principalmente, mas também das freiras tecedeiras de linho, que lhe deram o nome, e do olival.

Percorrendo a quinta compreende-se como cresce ali uma simbiose feliz entre os vinhedos antigos – alguns com mais de 80 anos - e novos, bem como com o olival que vem do tempo em que a filoxera exigiu ao Douro encontrar cultivos alternativos à vinha devastada.

É desta herança que se valoriza, nascem, naturalmente, vinhos DOC Douro e vinhos do Porto Quinta das Tecedeiras de qualidade reconhecida internacionalmente.

A Prova
Apresenta uma cor Rubi Intenso. Nuances de aromas de bosque onde se misturam os frutos pretos e vermelhos das amoras e mirtilos com os aromas da ameixa. Na boca revela-se expressivo e volumoso, com taninos sólidos, e muito encorpado; a sua componente floral continua dominante, mas agora com a companhia de delicadas notas de frutos pretos, baunilha e uma certa mineralidade; o final é prolongado e de grande persistência. 

Nota
Ainda jovem, vai evoluir bem por alguns anos. 

Casa de Santar 2012

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

Tinto | Dão

O Produtor
A Casa de Santar é a mais emblemática propriedade vinícola do Dão, pela sua história, dimensão e prestígio dos seus vinhos. O ex-libris da propriedade, e a sua imagem de marca, é o magnífico Solar do século XVIII, rodeado por belos jardins de buxos. Os seus actuais proprietários assumem-se como guardiões de uma tradição de 300 anos, sem descurar a inovação e a busca da qualidade.

A Prova
Produzido com as castas Touriga Nacional, Alfrocheiro e Tinta Roriz. Um tinto com alguma ambição, muito fruto e chocolate no aroma, leve tostado. Na boca tem taninos sólidos mas maduros, corpo e largura num estilo capitoso, termina com notas de especiarias.

Nota
Pronto a beber desde já, evoluirá bem em garrafa até nos próximos 4 a 6 anos após a data da colheita.

Disponível aqui: estadoliquido.pt/Casa de Santar Tinto

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Paulo Laureano Reserve Branco 2013

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN No comments

Douro-Branco

O Produtor 
Paulo Laureano é um dos mais conceituados enólogos portugueses e uma referência dos vinhos no Alentejo. Agrónomo, enólogo formado entre Portugal, Austrália e Espanha, depois de ensinar na Universidade de Évora durante 10 anos, resolveu dedicar-se, em exclusivo, aquilo que o move desde 2003, desenhar vinhos.  Sobretudo na empresa que criou com a família em 1999 e que foi assumindo uma importância cada vez maior na sua vida. 

Paulo Laureano define-se como um enólogo minimalista. Para ele desenhar vinhos é uma paixão, desvendar os seus aromas e sabores, avaliar e optimizar as razões da sua identidade e personalidade, promovendo-os como verdadeiras fontes de prazer, são os pontos-chave da sua filosofia. 

O Vinho
A aposta exclusiva nas castas portuguesas e num "terroir" de excelência, permite ao Paulo Laureano construir vinhos com uma identidade clara e diferente num mundo que tende a ser igual. A grande aposta é desenhar vinhos exclusivamente com castas portuguesas.

A Prova
Apresenta uma bela cor citrina. Os aromas são pleno de aromas tropicais e casca de tangerina mesclados com notas de especiarias. Vinho bem equilibrado com forte estrutura. Muito frontal e fresco na entrada, mostra-se depois untuoso com forte personalidade. Fim de boca longo, fresco e de extrema elegância.





Grandes Quintas Reserva 2011

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

Tinto - Douro

O Produtor
Com cerca de 600ha, distribuídos por 5 quintas, a Casa de Arrochella faz parte da nova geração de produtores de vinhos DOC Douro e azeites DOP Trás-os-Montes. Descendente e Sucessor de Nicolau de Arrochella Moraes e Castro Pimentel, 1.º Conde de Arrochella, Bernardo de Arrochella Alegria é o grande impulsionador deste projecto que possui mais de 600ha no Douro Superior, com mais de 115ha de vinhas, e que procurou unir as ligações e a história dos importantes Vínculos da Casa de Arrochella na região de Trás-os-Montes e Alto Douro à sua paixão e entrega ao Douro, assumindo assim este projecto como um desafio também cultural no qual a Casa de Arrochella pretende valorizar a excelência e as potencialidades únicas da sua região duriense, como o seu legado para as futuras gerações.

O Vinho
Vindima manual, em caixas de 20kg, de Touriga Nacional, Tinta Roriz e Tinta Amarela, seguida de desengace a 100%. Fermentação em cubas de inox com temperatura controlada. 100% do lote estagiou em barricas de carvalho francês durante 18 meses.

A Prova
Boa concentração na cor, escuro e austero, madeira presente mas de muito boa qualidade, estilo focado e sério. Belos tostados, polido e profundo na boca, muito bem desenhado. Preciso e de grande estilo.

Notas
Pronto a beber desde já, evoluirá bem na garrafa ao longo de pelo menos, 8 ou 10 anos após a data de colheita.

Disponível aqui: estadoliquido/Grandes Quintas Reserva

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

Esporão Reserva Branco 2014

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

O inverno húmido e o verão ameno com grandes amplitudes térmicas, permitiram às videiras bons desempenhos de maturação, permitindo ter vinhos muito equilibrados e intensos, como é o caso deste fantástico vinho branco.

Na vinificação, desengace, choque térmico, maceração pelicular, prensagem, decantação do mosto, fermentação com temperaturas controladas em cubas de inox e em barricas novas de carvalho americano e francês, com estágio sobre as borras finas, todo o processo foi feito com um rigor de qualidade exemplar.

Para estagiar este vinho durante 6 meses, foram criteriosamente escolhidas cubas de inox e barricas novas de carvalho francês e americano.

As castas utilizadas foram as Antão Vaz, Arinto, Roupeiro, Semillon e outras provenientes da Herdade do Esporão.

Na Prova
Cor: Aspeto cristalino, cor palha com reflexos esverdeados. 

Aroma: Aroma rico e intenso com notas de toranja e pêssego, integradas na tosta subtil das barricas. 

Palato: Na boca é cremoso, equilibrado, preenchido pela fruta, alguma mineralidade e um final fresco, longo e complexo.



Saiba mais sobre este vinho aqui: estadoliquido.pt/Herdade do Esporão Reserva Branco

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

A arte de provar vinhos

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

A prova de vinhos, aparentemente é um processo simples. No entanto, torna-se complexo quando começamos a tentar identificar e distinguir as variações da cor, aroma, sabor, etc. Mas, nada como se iniciar neste fantástico mundo dos vinhos.

O que deve saber, antes de se iniciar:

Copo
Para provar devidamente um vinho deve utilizar-se um copo de vidro fino e incolor, de pé alto, pelo qual se deve segurar, e de corpo longo, com boca mais estreita, para que os aromas possam ser devidamente apreciados.

Temperatura
O vinho deve servir-se à temperatura recomendada na indicação do contra-rótulo da garrafa, ou, se aquela for inexistente, entre os 16º e os 18º, se for um tinto e entre os 9º e os 12º, no caso de um branco.

Os três principais passos
- observação utilizando os sentidos;
- comparação com elementos extraídos da nossa experiência e memória;
- precaução em tirar conclusões, já que nada é mais subjectivo que uma prova de vinhos.

Como se recomenda provar o vinho
1. Deite vinho no copo devagar até um terço aproximadamente.
2. Segure o copo pelo pé, levante-o ao nível dos olhos e examine a aparência do vinho.
3. Continuando a segurar o copo pelo pé, rode-o vivamente mantendo a base sobre a mesa. Respire o vinho. Faça uma inalação longa, ou então várias curtas.
Analise os perfumes, aromas e bouquet.
Procure identificá-los.
4. Encha a boca, permitindo um contacto suficientemente intenso. Cuspa e repita o processo se for necessário.
Sinta a textura e aprecie os paladares.
Veja os registos da sua memória.
5. Tente identificar o paladar dominante - evidente impressão sensorial quando o vinho é saboreado; e o paladar subliminar a impressão que fica já com a boca vazia (arrière-gout).

Recomendações
Para se tornar num bom provador é necessário explorar ao máximo as suas capacidades.
Para isso sugerimos-lhe:
Prove vinhos diferentes. Deverão ser de qualidade, mas de estilos diferentes.
Compare os vinhos que tenham um elemento comum. Pode ser uma região, uma casta ou um tipo de vinificação.
Defina um método de prova, e utilize-o normalmente.
Desenvolva um vocabulário próprio. É necessário dedicar algum tempo à procura da palavra certa.
Comece junto de um provador. Este pode guiá-lo nos primeiros passos.

Faça provas cegas. Isto permite-lhe perceber melhor as suas sensações sem ser influenciado pelo rótulo.

quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Distinções Casa Ermelinda Freitas - Mundus Vini Summer

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

Terras do Pó Castas 2014 vence Medalha de Grande Ouro na Alemanha. O mesmo vinho traz para a Casa o título 'Melhor Vinho Branco Português'.

Ermelinda Freitas venceu 4 Medalhas de Ouro no Mundus Vini - Summer.

Medalha de Grande Ouro
Terras do Pó Castas Branco 2014 (Chardonnay-Viognier)

Medalhas de Ouro
Moscatel de Setúbal
Sauvignon Blanc & Verdelho 2013
Casa Ermelinda Freitas Festivo 2014 (Chardonnay-Viosinho)

Medalhas de Prata
Valoroso 2013
Cabernet Sauvignon 2012
Ermelinda Freitas Branco 2014
Ermelinda Freitas Reserva 2013

Família 
A empresa, iniciada em 1920 por Deonilde Freitas, continuada por Germana Freitas e mais tarde por Ermelinda Freitas, sempre dedicou especial atenção ao vinho. Pelo desaparecimento precoce do seu marido, Manuel João de Freitas, Ermelinda deu continuidade à empresa com colaboração da sua filha única, Leonor, que embora com formação fora da área vitivinícola, tomou a liderança da empresa reforçando assim a presença feminina na sua gestão. 

Desde a primeira geração que esta casa aposta na qualidade das vinhas e dos vinhos, que inicialmente eram produzidos e vendidos a granel sem marca própria. Foi com a atual gestão que se deu a grande mudança de se criar marcas próprias. 

Assim, em 1997, iniciou-se um novo ciclo com o “Terras do Pó” tinto, primeiro vinho produzido e engarrafado da Casa Ermelinda Freitas.

Ver produtos da Casa Ermelinda Freitas