terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Top 5 - Vinhos Tintos de 2011

BY Estado Liquido - Wines & Spirits IN , No comments

2011 - O Ano
O Inverno foi chuvoso, principalmente em Dezembro e a Primavera quente e seca. O Verão foi fresco e seco com duas exceções em finais de Agosto, início de Setembro. Setembro iniciou-se com temperatura amena, mas registou valores da temperatura máxima do ar acima da média.

Como ano excecional que foi, a elevada procura por vinhos de 2011 foi e continua a ser normal. Neste momento, além de outros grandes vinhos, podemos destacar 5 que ainda consegue encontrar na sua garrafeira preferida, Estado Líquido.



 Procurou-se reunir os taninos firmes da Tinta Roriz, as notas de esteva e os taninos suaves da Touriga Franca, e os aromas de frutos pretos e silvestres, com notas florais e frescas muito marcadas da Touriga nacional. 

Vermelho opaco de grande intensidade aromática, muito fresco e complexo. Aromas vibrantes de frutos silvestres, notas florais e "liquorice". 

Na boca é encorpado, fresco, frutado com final muito longo. 

Este vinho acompanha carnes, Queijos e cozinha mediterrânica em geral.



Lote de uma selecção de uvas em pequenas parcelas de vinha, das castas Touriga Nacional de vinhas junto ao rio Douro e de vinhas em altitude, com uvas de vinhas velhas misturadas na vinha "field blend", de castas tradicionais do Douro, como Tinta Roriz, Touriga Franca, Tinta Francisca e outras. 

Complexidade, aroma muito concentrado, com frutos pretos de bosque, notas de alcaçuz, especiarias, violetas, bergamota, esteva... em equilíbrio com notas de barrica francesa muito elegantes. 

Longo e envolvente sente-se a fruta no fim de boca, taninos firmes muito maduros e suaves, fresco e muito elegante, deixando antever um excelente envelhecimento em garrafa. 


100% do lote estagiou em barricas de carvalho francês durante 18 meses. 

Boa concentração na cor, escuro e austero, madeira presente mas de muito boa qualidade, estilo focado e sério. 

Belos tostados, polido e profundo na boca, muito bem desenhado. Preciso e de grande estilo. 

Pronto a beber desde já, evoluirá bem na garrafa ao longo de pelo menos, 8 ou 10 anos após a data de colheita. 



Após a revolução de 1974 a herdade foi expropriada e só foi devolvida à família em 1985. Hoje a Herdade do Mouchão continua a ser gerida e trabalhada pelos descendentes da família original.

Fruta preta muito madura, passas, pimenta, eucalipto, húmus. 

Gordo e espesso, encorpado, com acidez alta, muito texturado, termina fresco e intenso. 

Um vinho da escola Mouchão, bem concentrado.




Foi feito em lagares de granito com as castas Touriga Franca, Tinta Roriz, Touriga Nacional, Tinto Cão, Tinta Amarela e Sousão. 

Depois da fermentação passou 12 meses em barricas novas de carvalho francês. 

Mostra aroma de frutos vermelhos maduros, amparados, discretamente, pela suave baunilha da madeira de carvalho. 

Consistente na boca, denso, com fruto de qualidade, notas de fruta vermelha e final longo e persistente. 




Vinhos do ano 2011 na Garrafeira Estado Líquido: estadoliquido.pt/ Vinhos Ano 2011


0 comentários:

Enviar um comentário